FACE_IMG_2014

Badaró, do Nhô Botequim: chef é um dos quatro rio-pretenses finalistas da macrorregião de Rio Preto. (Foto: Ricardo Boni/Divulgação)

Tudo passa por Rio Preto. Quédizê, quase tudo. Furacão e terremoto, pelo menos por enquanto, não têm realizado aqui nenhuma de suas turnês mundias. Grazadeus, né?

Mas o post é só pra avisar que mal terminou o concurso Comida Di Buteco e a cidade já hospeda outro grande evento cheio de pratos, sabores e receitas. Do que se trata agora? Do Festival Gastronômico Sabor de São Paulo, que realiza em Rio Preto, nesta quinta (21), sua sexta etapa. 

Miriam Moreira, do Vila Aurora. (Foto: Divulgação)

Miriam Moreira, do Vila Aurora. (Foto: Divulgação)

São 10 pratos selecionados pelos organizadores do festival, que tem chancela da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, realização da Revista Prazeres da Mesa e apoio educacional do Senac São Paulo. Como se pode notar, só gente graúda envolvida.

Graúdos também são os finalistas de Rio Preto e dos Alpes Canavieiros que, depois de passarem pelo crivo do público e dos jurados oficiais do festival, terão seus nomes e pratos devidamente condecorados e imortalizados pela Revista Prazeres da Mesa. Mas apenas quatro deles participarão da grande festa popular, realizada em novembro, no Parque Vila Lobos, em São Paulo.

Washington Piau, do Costela Marruada. (Foto: Reprodução/Facebook)

Washington Piau, do Costela Marruada. (Foto: Reprodução/Facebook)

A seguir, a lista completa com os concorrentes da etapa rio-pretense. Lembrando que a degustação custa R$ 10 e dá direito a provar todas as opções, das 17h às 20h30, no Senac RP. No local, o público encontrará as dez barracas correspondentes aos finalistas. E, ainda hoje, a Coluna conta quem foram os vencedores do Comida di Buteco. O resultado, que já está lacrado, será conhecido daqui a pouco, em evento no Iguatemi RP. Duzentos e cinquenta convidados participam da premiação, uma das mais esperadas da temporada. Agora sim, a lista em si.

Nome Nome Estabelecimento Cidade Prato
João Fachini Maticolli Portal Pousada e Restaurante Ouroeste Picanha na pedra com banana e canela
Alexandre Villela Carvalho Nhô Botequim São José do Rio Preto A Cura
Miriam Moreira Vila Aurora bar São José do Rio Preto Baurustela
Carlos Leandro Cardoso Japa Butikim Pindorama Bolinho da Aline (Bolinho de carne recheado com mussarela e rúcula)
Washington Eduardo Piau Costela Marruada São José do Rio Preto Ragu marruado, polenta cremosa com perfume de pitanga
Alvaro Milani Filho Gubbio Ristourante Catanduva Costeletas suínas com crispim de jamones
Vinicius Belucci Frei Caneco Choperia São José do Rio Preto Bolinho Pescadô
Claudia Baffi Pellicciotta Café da Colônia Turismo Rural Uchôa Glorias
Poliane Lemos Aragão Brigadeiro Real Fernandópolis Brigadeiro Mineirinho (Brigadeiro de queijo com doce de leite)
Ismael Bessane Paçoca Caseira Novo Horizonte Novo Horizonte Paçoca Caseira

 

10492551_488588334618211_3010493375250562134_n

Vinicius Belucci, do Frei Caneco, concorre com o Bolinho Pescadô. (Foto: Reprodução/Facebook)

Plus

Dani França: além de ótima cozinheira, a moça também é jurada do festival. (Foto: Divulgação)

Dani França: além de ótima cozinheira, a moça também é jurada do festival. (Foto: Divulgação)

Simultaneamente à escolha dos melhores pratos, o Senac RP recebe a chef Dani França (a moça também é uma das juradas do festival), para uma aula de cozinha gratuita, a partir das 15h, desta quinta. Na ocasião, Dani apresentará receitas com ingredientes exclusivos da região, garimpados entre pequenos produtores da região.

Entre os preparos, tostas de Salmão gravlax, curado na cachaça, beterraba, gengibre e raiz forte; peito de boi curado no sal, cozido em baixa temperatura; picles de maçã e purê rústico de batatas e salsa; e compota de figo, água de rosas  e sálvia com creme de gengibre. Os interessados podem se inscrever pelo site do Senac. As vagas são limitadas. É dura a vida do trapezista!