O embaixador Roberto Jaguaribe, presidente da Apex Brasil, e Alexis Duval, CEO da Tereos. (Foto: Alexandre Alves)

A Câmara de Comércio do Brasil na França e a Embaixada do Brasil homenagearam na última quinta-feira (16), em Paris, as “personalidades de 2017” que contribuíram de maneira significativa com o incentivo ao intercâmbio comercial entre os dois países.

Alexis Duval, CEO da Tereos, terceiro maior produtor mundial de açúcar, foi homenageado como a Personalidade Francesa de 2017, em jantar de gala na sede da Câmara do Comércio e Indústria de Paris.

No evento, estiveram presentes autoridades governamentais francesas e brasileiras, como o presidente da Apex Brasil, o embaixador Roberto Jaguaribe, que entregou o prêmio a Duval, e empresários como Carlos Ghosn, presidente mundial da Renault, Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira, presidente da Firjan, e Lex Kloosterman, vice-presidente executivo sênior (SEVP) do Rabobank.

Participaram ainda os executivos da Tereos Patrizia Campos, Jacyr Costa Filho e Pierre Santoul. A Tereos foi o primeiro grupo estrangeiro a investir no setor sucroenergético nacional, em 2001. Vale lembrar que a França foi o segundo maior investidor no Brasil no ano passado.

Em anos anteriores, o prêmio já foi concedido a CEOs como Jean-Charles Naori, do grupo Casino, Jean-Paul Agon, da L´Oréal, e Christophe de Margerie, da Total.

Durante sua gestão como diretor-presidente da empresa no Brasil, entre 2002 e 2007, o grupo Tereos experimentou expansivo crescimento no país e instalou mais três usinas de açúcar – atualmente opera sete unidades na região noroeste do estado de São Paulo.

Além de relevante posição nos segmentos de açúcar, etanol e energia no Brasil, a Tereos também atua no setor de amidos e adoçantes a partir do processamento do milho e mandioca. Que tal?