E aí, gostaram dos modelitos? (Fotos: Divulgação)

E aí, gostaram dos modelitos? (Fotos: Divulgação)

Bom, daí que o povo não gostou nada nada dos uniformes que serão usados na cerimônia de entrega das medalhas dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio, em agosto.

Da mesma maneira que esse rolê da tocha olímpica tá um passeio errado de tanta chatice, os uniformes desenhados pela estilista Andrea Marques viraram piada nas redes sociais. “É festa junina?” “Gzuz, quem fez isso?” “Já pode dançar quadrilha?”, são alguns dos comentários que acompanham posts de divulgação dos ‘modelitos’, como este publicado no Instagram da Coluna.

Estamos bonitos?

Estamos bonitos?

Agora, uma coisa que talvez você não saiba: a estilista Andrea Marques, que venceu o processo de seleção para desenhar os uniformes, foi escolhida pelo rio-pretense Paulo Borges, Presidente da Luminosidade, empresa responsável pela São Paulo Fashion Week.

Calma, isso não foi uma crítica. Borges é uma das maiores autoridades em moda deste País e foi convidado pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) para conduzir o processo de escolha da marca que assinaria os uniformes.

O que acontece é que, apontar um vencedor, nem sempre significa que o seu trabalho agradará gregos, troianos e outros olímpicos. Agora vai, que hoje é sexta é tem Alok na The Club. É dura a vida do trapezista no pódio…

banner_planeta_rock_modelo_3_todas_as_bandas